Trabalhos manuais: Costura (1)

A mudança despertou em mim uma vontade de resgatar as coisas simples. Estas com as quais você conviveu durante toda a sua infäncia, adolescencia, e, também na idade adulta com uma super Mãe (costureira, cozinheira, crocheteira, artesã de mãos cheias, criativa e de forte caráter), presenciando o passo-a-passo da criação.

Pois então, quando a gente está longe começa com este processo e uma onda de emoções chega ao coração, buscando a sensibilidade, o simples, o tradicional, enfim, suas raízes. Continuar lendo “Trabalhos manuais: Costura (1)”

Anúncios
Trabalhos manuais: Costura (1)

Programas gastronômicos na TV

A grande explosão do tema gastronomía é um fenômeno mundial, e, portanto,  nenhuma novidade mas é bem interesante ver como cada País trata e oferece, ao telespectador, programas culinários.

Ainda no Brasil, acompanhava com minha mãe alguns programas tipo: Receita Minuto, Palmirinha, Mais Você, Diario do Olivier, Canal GNT, Bem Simples e outros.

Estando na Espanha a minha rotina é diferente: blogs e internet são as minhas fontes de pesquisa e conhecimento, e, uma vez ou outra, um programa na TV. Continuar lendo “Programas gastronômicos na TV”

Programas gastronômicos na TV

Caligrafia, uma história

Desde pequena minha letra sempre foi aceitável talvez uma herança genética já que os meus país também tinham letras bonitas.

Na escola sempre fazia os cartazes e capas dos trabalhos para os colegas e isso era bem engraçado, pois sempre diziam:  ah escreve para mim, porque você tem a letra bonita (de professora)! E  no final da história eu me formei em Magisterio e depois fiz Letras.

Em 1999 dos inúmeros cursos ofertados pelo Senac-MG, diga-se de passagem ótimos cursos e instrutores, decidimos fazer um curso chamado “Caligrafia Artística” composto de três módulos, dos quais fizemos somente os dois primeiros: Letra Cursiva Inglesa, minha irmã e eu. Continuar lendo “Caligrafia, uma história”

Caligrafia, uma história

Machado de Assis: um escritor muito além da ironia inteligente…

“Trata de saborear a vida; e fica sabendo, que a pior filosofia é a do choramingas que se deita à margem do rio para o fim de lastimar o curso incessante das águas. O ofício delas é não parar nunca; acomoda-te com a lei, e trata de aproveitá-la.” (Machado de Assis)

Fonte: http://www.upf.br

Continuar lendo “Machado de Assis: um escritor muito além da ironia inteligente…”

Machado de Assis: um escritor muito além da ironia inteligente…

Paciência (Lenine)

Músicos são poetas, quanta sensibilidade em uma letra só!

 

Mesmo quando tudo pede

Um pouco mais de calma

Até quando o corpo pede

Um pouco mais de alma

A vida não para…

Continuar lendo “Paciência (Lenine)”

Paciência (Lenine)

E como dizia Pablo Neruda…

Às vezes somente o ler (ou reler) algo te transporta a outra percepção de mundo…

 

É Proibido

É proibido chorar sem aprender,

Levantar-se um dia sem saber o que fazer

Ter medo de suas lembranças.

É proibido não rir dos problemas

Não lutar pelo que se quer,

Abandonar tudo por medo,

Não transformar sonhos em realidade.

É proibido não demonstrar amor

Fazer com que alguém pague por tuas dúvidas e mau-humor.

É proibido deixar os amigos Continuar lendo “E como dizia Pablo Neruda…”

E como dizia Pablo Neruda…

A magia de Alhambra

Que eu sou apaixonada por Alhambra não é nenhuma novidade, certo? Não me canso de admirar a beleza daquele lugar e o encanto que ele tem sobre mim… me transporto a outro mundo: respiro, sinto, sonho e vivo, literalmente!!

A magia de Alhambra